Home
....................................... ....................................... .......................................
Contactos

Helena Marujo

izi izi izi izi

Helena Marujo

"...Mais importante do que aquilo que nos acontece é a forma como lidamos com isso."  Helena Marujo


Professora no Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas e co-coordenadora do Executive Master em Psicologia Positiva Aplicada. Helena Marujo é hoje considerada uma das investigadoras mais prestigiadas da Europa no tema da Educação e Intervenções Organizacionais Positivas, é membro do Board of Directors da Internacional Association of Positive Psycology (USA). Em tempos ”duros” Helena Marujo traz uma lufada de ar fresco aos ambientes organizacionais, propondo uma revolução positiva feita de optimismo e mudança de mentalidades, com consequências directas na produtividade.

Tópicos de Conferências: Motivação e Comportamento Humano, Organizações Positivas e Educar para o Optimismo
Idiomas: Português, Inglês
Livros:  “PositivaMente” lançado em Janeiro 2011, “ Optimismo e Esperança na Educação”, "Educar para Optimismo, guia para Professores e Pais", entre outros.


BIO
Investigadora, pioneira em Portugal na introdução de metodologias como Desenvolvimento do Sentido de Humor, Educação para o Optimismo, Inquérito Apreciativo e Word Café.
Em tempos de recessão e pessimismo, a investigadora Helena Marujo traz uma lufada de ar fresco aos ambientes organizacionais, propondo uma revolução positiva feita de optimismo e mudança de mentalidades, com consequências directas na produtividade.
Assentando os seus ensinamentos numa lógica de “emoções positivas”, Helena Marujo  lembra que uma atitude pró-activa no local de trabalho estimula a criatividade, reforça o espírito de equipa e dinamiza a comunicação entre colegas e chefias. “Em vez de se perguntar pelos problemas é preciso perguntar pelas soluções”, propõe.
A pedagogia do riso, da qual se tornou especialista após ter frequentado o programa de Desenvolvimento do Sentido de Humor, da Universidade de Valladolid, é um dos temas dominantes nas suas palestras. “Os optimistas são mais saudáveis, vivem mais anos e têm mais sucesso pessoal e profissional. Diversos estudos têm vindo a comprovar que aqueles que esperam o pior tendem a ter o pior e os que estão à espera do melhor tendem a ter o melhor”.
Uma mensagem que tem vindo a passar não só nas empresas mas também nas áreas de intervenção social e comunitária, através de programas de formação a técnicos e profissionais associados a instituições da Santa Casa da Misericórdia e aos centros de segurança social.

Contexto internacional
Reconhecida mundialmente, Helena Marujo é membro do Board of Directors da Internacional Association of Positive Psycology (USA) , em parceria com os maiores nomes neste domínio.  A investigadora é também Speaker  Internacional, especializada em Educação e Intervenções Organizacionais Positivas. Para além de Portugal já realizou palestras,  nos  EUA, em locais tão conceituados como a Universidade de Harvard, bem como em Inglaterra, Bélgica, Alemanha, Espanha, Itália, Brasil, Países Nórdicos, Hungria, Cabo Verde, entre outros.

Contributo universitário
Professora no Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas, Co-coordenadora do Executive Master em Psicologia Positiva Aplicada | EMAPP
Membro do Board of Directors International Positive Psychology Association
Doutorada em Psicologia pela Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Lisboa, foi Visiting Researcher na Universidade de  Massachusetts, tendo sido bolseira Fullbright.


Conferências

Organizações em diálogo: como transformar, comunicando
Estimular e treinar de maneira animada e prática, formas de comunicar de forma positiva e os efeitos que a maneira de colocar questões ou de escutar têm na saúde física, na saúde psicológica, nas relações interpessoais e no sucesso empresarial

A nova cara do sucesso organizacional: inovação colaborativa
As palavras inovar e colaborar fazem parte integrante dos horizontes de empresas emocional e financeiramente eficazes. Mas como se inova, de facto? Quais os ingredientes da criação e da diferença? O que distingue uma inovação de sucesso de uma inovação sem futuro?  Porquê e como praticar a colaboração? Que segredos para conseguir mobilizar a pensar diferente e em conjunto?
A arte de apreciar e sonhar: intervenções com futuro
A metodologia do Inquérito Apreciativo, que se propõe revolucionar positivamente as organizações humanas,  foi trazida para Portugal por Helena Marujo e Luis Neto, e é hoje um sucesso a nível mundial. È simultaneamente simples e complexa, energizante e motivadora, animada e poderosa. É uma metodologia para quem tem os olhos postos no futuro. O que ajuda a trazer do passado para transformar e imaginar o presente e o futuro é sobretudo aquilo que funcionou e resultou – os momentos de excelência dentro da organização. Sonhar em conjunto, planear formas de chegar ao sonho e construir o destino de mãos juntas é a beleza desta metodologia que se adapta a qualquer formato organizacional ou sistema. 

Educar para o optimismo nas empresas: como animar a esperança
Por vezes as culturas de crise desanimam e deitam por terra o optimismo de acreditar que se pode melhorar. Uma das nossas especialidades – a educação para o optimismo – tem mostrado que se pode aprender a ter mais confiança e esperança no futuro, através de estratégias já testadas e investigadas, e que assim se mobilizam as pessoas e as organizações que já deixaram de acreditar. Pelo caminho, aumenta-se a saúde física, psicológica e até a longevidade dos trabalhadores em causa – ao mesmo tempo que se promove e optimiza o sucesso e o desempenho.
Dos  problemas às soluções: um novo olhar sobre a vida e o trabalho
Esta é mais uma das áreas em que os palestrantes HAM e LMN foram pioneiros em Portugal. Porquê abordar a vida como se ela fosse uma sucessão de problemas? Porque não especializarmo-nos antes em sermos excelentes solucionadores? As estratégias práticas a treinar e estimular nesta palestra ou Workshop são fascinantes e entusiasmam qualquer um. Afinal podemos fazer crescer as soluções e dar vida aos nossos sistemas sem nos atolarmos nos problemas e na necessidades? Venha connosco olhar a vida por outros olhos – através de exemplos concretos e lições de vida já testados pelo mundo.

Equipas poderosas: motivar e fluir
Afinal, o que nos diz a ciência actual sobre como se motivam as pessoas? Como se atinge o nirvana da motivação, que é a experiência supremamente investigada de “Fluir”? O que podemos fazer nas nossas vidas, relações, empresas...para conseguir um verdadeiro empenhamento, entusiasmo, dedicação, esforço e prazer, tudo junto e ao mesmo tempo?
Revolução positiva:  as emoções como motor da mudança
As emoções demoraram a chegar abertamente faladas e reflectidas dentro das nossas empresas, e até dentro das nossas casas. Não porque não estivessem sempre lá: sempre estiveram! São a base da nossa existência, são o nosso óleo lubrificante...ou não. Sabia que as pessoas que intencionalmente escolhem viver diariamente emoções positivas e comunicar de forma positiva vivem em média mais dez anos do que as que se deixam irritar com insignificâncias, zangar ou desanimar com o irrelevante? Quer aprender – e ajudar outros a aprender – a fazer uma revolução de emoções positivas no espaço da sua vida, empresa, sistema organizacional? Venha, que nós o ajudamos a sentir-se mais senhor(a) dos sentimentos que experimenta.

Liderança positiva
É inegável que quem guia equipas e grupos deixa marca – boa, ou má. Não há hoje dúvida sobre o perfil do líder ideal, mais bem sucedido, mais optimizador da excelência e maravilha das pessoas com quem interage. E a ciência e a prática da liderança positiva é tão fascinante! Merece ser vivida e treinada, através de diálogos transformativos que impulsionarão esta conversa. Senhor líder: toque os outros de forma a co-construir climas e relações fascinantes – também para si, claro!